Canal no Youtube:

 Instagram: 

 Autora e o blog: 

 Facebook: 

Olá medroso e medrosa, tudo certinho com você?

​Eu sou a Renata, nasci em Recife, a capital mais assombrada do Brasil e desde pequena eu sou apaixonada por filmes de terror. Meu primeiro projeto de terror foi em 2017 com o canal do Youtube Mundo Sinistro - Filmes & Contos.

Saiba Mais

©2019 Mundo Sinistro - Filmes & Contos.

Criado por Diogênes Paz

É proibido copiar total ou parcialmente o conteúdo deste site sem a autorização da autora.

  • Rê Moura

CONHEÇA A LENDA DA EMPAREDADA DA RUA NOVA.

Atualizado: Mar 12

A história se deu início no século XIX, com a família de um riquíssimo comerciante. Jaime Favais era o importante dono de uma loja que funcionava no térreo de um sobrado na Rua Nova, no bairro de Santo Antônio, na cidade de Recife, Pernambuco.

Jaime Favais era um comerciante português, um homem extremamente ignorante, grosso, guardava rancor e era bem vingativo. Na época ele descobriu que a sua única filha chamada Clotilde, havia engravidado de um homem sedutor e garanhão chamado Leandro. E para completar mais ainda a situação, o mesmo homem, Leandro, também era amante da esposa de Jaime, D. Josefina.


Conheça o Canal Mundo Sinistro - Filmes & Contos no Youtube.

Claro que Jaime ficou com ódio mortal de todos eles e de toda a situação, então ele simplesmente mandou matar Leandro, com isso tudo Josefina enlouqueceu, pois ela vivia com o marido apenas por aparências, quem ela amava mesmo era o Leandro.

O comerciante Jaime Favais ainda tentou casar sua filha Clotilde com um de seus sobrinhos, o João, que na época trabalhava na loja do tio. Claro que João negou a proposta deixando Jaime ainda mais furioso. Foi aí então que ele condenou a sua filha ao sinistro e macabro castigo que foi o emparedamento da mesma em um banheiro do sobrado em que moravam.

Jaime chamou um amigo de velhos tempos que forçou um pedreiro a fechar com tijolos a porta do banheiro. Tudo isso com sua filha dentro. Infelizmente o pedreiro teve que fazer o que lhe foi forçado, pois ele sabia o quanto o Jaime era influente na cidade naquela época.


Na internet rola um pequeno texto que mostra um pouco da fala do pedreiro.

Ele diz o seguinte: “Assim que cheguei ao cômodo da casa vi algo que me fez arrepiar os cabelos da cabeça. Lá, dentro do banheiro estava o que parecia ser uma moça enrolada em um lençol branco como se fosse uma mortalha, nem dava para ver seu rosto. Ela estava a debater-se convulsivamente e violentamente. E pelos movimentos contidos dava para perceber que a pessoa que estava ali tinha os pés amarrados e as mãos atadas por detrás das costas. A cada esforço notava-se que ela tentava se livrar da prisão de onde estava. Foi aí que percebi que a pessoa seria enterrada viva em um buraco, ouvia também alguns gemidos surdos, abafados e roucos, O que dava a entender que estava amordaçada”.


Siga no instagram @renatamourareal.


Claro que após toda esta tragédia, Jaime voltou para Portugal. Ele ficou lá por anos. Tempos depois ele resolveu voltar para o Brasil, mas precisamente para a cidade de Recife, afim de vender o sobrado onde foi palco de tanta tragédia. Ele chegou a ficar alguns dias no imóvel, porém o abandonou em seguida, pois ele dizia estar sendo perseguido pelo fantasma da filha Clotilde. O mesmo afirmava que ouvia gritos de madrugada assim como arranhões vindos de dentro da parede.

Hoje em dia neste antigo sobrado funciona uma loja de roupas. Será que eles ouvem também barulhos vindo de dentro das paredes?

Que história mais sinistra e macabra medrosos e medrosas. Emparedar a própria filha e ainda por cima grávida. Abaixo segue o vídeo que fiz sobre este assunto contando melhor a história.


Apoie o canal Mundo Sinistro - Filmes & Contos.


Assista ao vídeo e inscreva-se no canal:

Bom, eu fico por aqui, um beijo e até mais medrosos e medrosas!


54 visualizações